Ocupação de UTIs SUS exclusivas para Covid-19 salta de 28% a 46% no Paraná

A taxa de ocupação das UTIs SUS exclusivas para a Covid-19 saltou no Paraná de 28% no primeiro dia do ano para 46% neste dia 10 de janeiro. Os dados são do boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa). No dia 1º, haviam 121 pacientes internados com suspeita ou confirmação da doença – eram 427 unidades disponíveis. Agora, segundo o documento, há 210 pessoas internadas nas 457 UTIs SUS ativadas para a pandemia.

O aumento do número de casos de coronavírus também elevou tanto a quantidade de paranaenses internados em enfermarias SUS exclusivas para a Covid-19 quanto o número de leitos disponíveis. Das 389 vagas existentes na virada do ano, 152 estavam em uso. Atualmente, são 515 leitos, dos quais 247 estão ocupados.

No levantamento da Sesa desta segunda-feira (10) foram confirmados mais 4.541 casos de Covid-19 – dos quais 4.387 são referentes a janeiro e 3.253 mais especificamente das 24 horas anteriores ao boletim. Como comparação, em 1º de janeiro o informativo apontava apenas 634 novos casos. No total, já foram infectados 1.626.852 moradores do estado.

O boletim também traz nesta data mais sete óbitos causados pela infecção, dos quais dois são deste ano e os demais retroativos a 2021. As vítimas da enfermidade no Paraná já somam 40.693.

Paranaense assume comando do Conselho de Presidentes dos Tribunais de Justiça
Gazeta do Povo

Ministro do STF Dias Toffoli; presidente do TJ-PR, desembargador José Laurindo (ao centro); e vice-governador do Paraná, Darci Piana (à direita) | Foto: Geraldo Bubniak/AEN
Ouça este conteúdo
O presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná (TJ-PR), desembargador José Laurindo de Souza Netto, tomou posse nesta segunda-feira (10) na cadeira de presidente do Conselho de Presidentes dos Tribunais de Justiça do Brasil. A cerimônia foi realizada em Curitiba e contou com a participação do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Dias Toffoli e do vice-governador do Paraná, Darci Piana. Ele havia sido eleito para o posto em novembro do ano passado, durante o 120° Encontro do Conselho de Tribunais de Justiça, realizado em Recife. É o primeiro paranaense a assumir a função. “É absolutamente necessário, neste momento histórico, que lutemos pela autonomia administrativa, orçamentária e financeira dos tribunais estaduais”, discursou ele.

A nova cúpula também será composta pelo desembargador Henrique Carlos de Andrade Figueira, do TJ-RJ, no cargo de vice-presidente; pelo desembargador Edson Ulisses de Melo, do TJ-SE, como secretário de Relacionamento Institucional; e pela desembargadora Waldirene Cordeiro, do TJ-AC, que atuará como Secretária de Cultura.